capa-got

5 Motivos para jogar Ghost of Tsushima

julho 15, 2020

Ghost of Tsushima chega ao PS4 no dia 17 de julho e ele é o jogo que fechará o ciclo de exclusivos da Sony no console, e só isso já seria um belo motivo para você jogar o game.

Para ser sincero existem mais que 5 motivos para jogar Ghost of Tsushima, porém eu vou listar somente os mais importantes e que diferenciam o jogo de seus principais concorrentes do gênero de aventura e exploração.

Combate

combate-got

Por todo o material que vimos até agora de Ghost of Tsushima é evidente que o combate recebeu uma atenção muito grande da Sucker Punch a produtora do game.

Em vários momentos podemos perceber como o combate irá se destacar. Como na parte em que você poderá chamar qualquer NPC para um duelo mano a mano.

Para vencer esse duelo você precisa de timing e precisão, algo que os samurais de verdade eram peritos.

Muitos canais por ai usaram experts em combate com katana para reagir ao combate do jogo, e o resultado foi que eles ficaram maravilhados com tamanha semelhança a um combate real.

Lembrando que você possui algumas posições com sua katana e cada uma delas te dá um perspectiva diferente de como usa-lá.

Além do combate com a katana, poderemos usar nosso perfil de Fantasma e ser sorrateiro. Entrar escondido nos acampamentos e matar um por um também será uma opção em Ghost of Tsushima.

O que eu mais gosto em jogos assim é a liberdade de escolher como trilhar seu caminho. Seja batendo de frente ou sendo uma sombra, o jogo te deixa à vontade para escolher seu estilo.

Elementos de RPG

elementos-rpg-got

Como a maioria dos jogos de hoje em dia, Ghost of Tsushima terá sua parcela de RPG. Eu particularmente gostei muito dos elementos colocados dentro do jogo.

Jin Sakai, nosso protagonista, terá diversos sets de armadura que trarão diferentes atributos. Isso é muito interessante pois já sabemos que teremos a chance de montar builds diferentes e ver o que se encaixa melhor.

Também vimos que Jin possui muitas habilidades diferentes, reforçando ainda mais a questão de podermos montar builds.

Para mim, montar build é uma terapia. Ficar um tempão ali calculando dano e vendo o que é melhor é maravilhoso.

Teremos também a presença de alguns amuletos que serão cruciais na jornada do samurai, trazendo algumas habilidades únicas.

E sem contar que poderemos personalizar a armadura dele, e ai é mais um tempão que eu perco deixando ele estiloso. Sim, sou adepto do Fashion Souls, gosto de deixar os bonecos bonitos antes de morrer.

Fantasia e Realidade

fantasia-e-realidade-got

Já falei algumas vezes aqui no GameForFun que um dos motivos da série Assassin’s Creed ter me conquistado foi a parte de misturar realidade com ficção. E Ghost of Tsushima também bebeu dessa fonte.

Falando em história, tem um vídeo maravilhoso explicando sobre o momento histórico do jogo do youtuber e historiador Blader Koyotte, que eu recomendo muito que vocês assistam.

Mas falando resumidamente, Ghost of Tsushima se passa em 1274 e retrata a invasão dos mongóis ao Japão. Especificamente na ilha de Tsushima, onde foram feitas as primeiras incursões.

Jin Sakai é um dos poucos samurais que restaram na ilha, e vendo toda a força e selvageria dos mongóis, Jin decide usar um método proibido e que trará desonra ao seu nome: o Caminho do Fantasma.

Porém esses mesmos poderes podem salvar a ilha de Tsushima.

O momento histórico será entrelaçado com muitos personagens e eventos fictícios durante sua jornada.

Lembrando que o Caminho do Fantasma se trata de poderes mágicos, então também temos uma dose grande de fantasia dentro do jogo.

Mundo Aberto

mundo-aberto-got

Jogos de mundo aberto geralmente são um espetáculo à parte. Ghost of Tsushima pretende trazer esse estilo de jogo de uma forma um pouco diferente do que estamos acostumados.

A Sucker Punch, já disse que o jogo não terá GPS para localizar missões. Você seguirá pontos específicos dentro do jogo que te ajudarão a localizar as missões ou outras coisas que deseja fazer.

Quando estiver andando, as vezes algum animal como uma raposa, aparecerá e você poderá segui-los para descobrir alguns segredos.

A exploração do mapa também será muito importante pelo que vimos até agora. Toda exploração sempre será recompensada com itens.

Nos trailers e gameplays percebemos também uma boa quantidade de missões secundárias presentes no jogo. O que nos leva a acreditar que veremos muita lore e histórias paralelas para vivenciar dentro de Ghost of Tsushima.

Desafiador

desafiador-got

Só o fato de não ter GPS para facilitar a localização já é algo que deixa o jogo muito mais interessante e desafiador.

Imagine você no meio da ilha de Tsushima tendo que olhar cada detalhe no ambiente para descobrir onde precisa ir ou para descobrir novos lugares.

Esse tipo de desafio não é algo que vemos sempre e por isso deve ser apreciado. Não vá pensando que a dificuldade do jogo será algo semelhante a jogos souls like, tipo Sekiro, Nioh ou o próprio Dark Souls.

Se você é um jogador casual que se interessou ou não quer dificuldades durante sua jogatina, fique tranquilo. O jogo deixará você escolher a dificuldade desde o começo, então não se preocupe com isso.

Se você ainda não comprou seu Ghost of Tsushima, aproveite agora e compre na loja do GameForFun com desconto!

Indique para seus amigos

Compartilhe
Compartilhe
Compartilhe
Compartilhe

Artigos Relacionados

João McFly

João McFly

Nosso mestre dos RPGs. Adora um bom desafio e uma piada fora de hora. Responsável pelo canal Canal João McFly

Faça sua busca